728x90 AdSpace

Recentes

Cidades que serão inundadas por causa do aquecimento global



O superaquecimento global pode ter como consequência o derretimento das calotas polares. Uma vez que as mesmas se tornem liquidas pouco a pouco, o nível do mar pode se tornar mais elevado, ameaçando cidades costeiras ao redor do mundo. Há soluções, mas estas tragicamente não são viabilizadas facilmente da noite para o dia. Lentamente, grandes cidades do globo terrestre podem sofrer ou estar sofrendo malefícios decorrentes.


Cidades norte-americanas que já sofrem as consequências da elevação do nível do mar, como Nova York ou Nova Orleans mostram planos de ação para evitar maiores problemas. Porém, Bangladesh, uma das localidades mais pobres do planeta, com certeza passará por dificuldades. As autoridades de Jacarta (Indonésia) contam com acessoria holandesa para tentar deter o problema. Basicamente, não há meios práticos para conter o derretimento das calotas polares, algo que acontece gradativamente.
Confira algumas cidades que podem submergir
Nova Orleans (EUA)
O furacão Katrina que assolou Nova Orleans em 2005 chamou as atenções do mundo para o local, no sul dos EUA. A contenção de futuros problemas é um árduo desafio para a região, sendo que o Katrina causou prejuízos financeiros que chegam a US$ 148 milhões de dólares, além de ter desabrigado 600 mil famílias e matado 1.833 pessoas.
Posteriormente ao Katrina, desenvolveu-se os chamados "floodwalls" (ou barragens) e diques na região, sendo que o mecanismo mostrou alguma eficácia contra o furacão Isaac no ano de 2012. Porém, sua proteção não é absoluta. O nível das inundações tende a se tornar gradativamente superior numa estimativa de 100 anos. O estado de Lousiana tem em vista uma plano de prevenção a inundações nas cidades costeiras. Por outro lado, Tim Osborn do National Oceanic Atmospheric Administration (NOAA), alerta que os níveis de inundação são progressivos. O crescimento destes níveis podem ser mais rápidos que as instalações das medidas cogitadas.
Jacarta (Indonésia)
A capital da Indonésia, Jacarta abriga mais de 10 milhões de habitantes constantemente ameaçados pelo Mar de Java, o qual também pode ter seu conteúdo expandido, devido às mudanças climáticas. Mais de 40% da cidade se encontra o nível do mar e o cálculo provém de Jan Jaap Birkman, hidrologista holandês do instituto Deltares. As autoridades de Jacarta contam com acessoria dos holandeses, para tentar reverter ou ao menos idealizar alguma medida que contenha a submersão da capital.
Uma solução a médio prazo foi a contrução de uma barreira de trinta quilômetros ao redor da cidade de Jacarta. Porém, com o conteúdo líquido do mar aumentando gradativamente, a barragem poderia se romper a longo prazo, deixando submersas quase um milhão de pessoas.
Bangladesh
Uma das localidades mais pobres do planeta, Bangladesh, localizado no golfo de Bengala, na Ásia, comporta mais de 150 milhões de habitantes. O país possuí um cenário sociopolítico bastante confuso. Históricamente, catástrofes naturais sempre assolaram Bangladesh. O furacão de abril de 1991 matou cerca de 100 mil pessoas, e deixou 10 milhões desabrigadas.
Além da ameaça de inundação marítima, o local sofre com alto índice pluviométrico, o que contribui para uma gradativa submersão, algo que compromete 150.000 hectares de todo o seu território. Segundo projeção do site GOOD, até o ano de 2100, mais de 30% do território de Bangladesh pode estar submerso.
Xangai (China)
A cidade chinesa de Xangai encontra-se tanto próxima a foz do rio Yangzijiang, quanto do mar a leste. A cidade apresenta grande importância por abrigar muitos portos e ser o primeiro centro comercial/industrial chinês. Tudo isso convivendo com a possibilidade de futuras inundações que não podem ser desprezadas. Entretanto, Xangai, que abriga mais de 23 milhões de habitantes, estaria posicionada numa área sólida, ainda que cercada por um rio e fazendo divisa com o mar. Segundo o New York Times, o território contaria com uma consistência equivalente a 13 pés de terra, acima do nível do mar (um pé equivale a doze polegadas).
Estudos da East China Normal University apontam que há possibilidades do nível do mar se exceder em 20 anos. Apesar de alguma segurança, planos de defesa não são menosprezados. Segundo Cheng Heqin, do Instituto de Pesquisa Estuarina e Costeira, no momento a situação é aceitável, mas a longo prazo barragens e diques serão necessários, sendo que possiveis inundações podem comprometer a reserva de Qingcaosha. Tal reserva garante 70% do abastecimento de água potável de Xangai. As autoridades chinesas investem altos valores em pesquisas e mecanismos de prevenção a futuras inundações.
Nova York (EUA)
Recentemente, o furacão Sandy assolou a cidade de Nova York vitimando fatalmente 159 pessoas, além do enorme prejuízo e danos materiais consequentes. Após esta catástrofe estudos foram feitos e medidas preventivas tomadas. Segundo pesquisas da Universidade de Columbia, o nível do mar pode chegar a quatro pés (cerca de 1,21m) no ano 2080. Em 2100 o índice pode chegar a cinco pés (cerca de 1,52m). Com isso, um em cada 500 furacões que eventualmente poderiam se propagar, causariam prejuízos similares ao do furacão Sandy.
Segundo o site GOOD, uma pesquisa encomendada pelo prefeito da Big Apple, Michael Bloomberg, projetou que 800 mil pessoas podem ser afetadas pelo aumento do nível do mar, até o ano de 2080. Bloomberg ordenou um plano orçado em 20 bilhões de dólares, o qual visa medidas preventivas tais quais as construções de "floodwalls" (barragens), diques e infra estrutura qualificada para represar o auto índice de água do mar.
Fonte: Yahoo notícias
  • Blogger Comentários
  • Facebook Comentários

0 comentários :

Item Reviewed: Cidades que serão inundadas por causa do aquecimento global Rating: 5 Reviewed By: Pr. Antonio Romero Filho