728x90 AdSpace

Recentes

Moon e a igreja da Unificação continuam enganando


A igreja da Unificação, foi fundada em Seul, Coréia, em 1954, por Sun Myung Moon, ex-preso político, estabelecida na América em 1973. É uma seita que se espalhou rapidamente em todo o mundo empreendendo, incluso, um grande esforço no Brasil.

Procura conquistar muitos pastores evangélicos, atraindo-os com ajuda financeira, com viagem turísticas, hospedagem em hotéis de altíssimo luxo, refeições nos mais caros restaurantes e outros "brilhos" desse mundo. A idéia é, em primeiro lugar, limpar a imagem da seita, obscurecida pelas acusações passadas; e depois, tentar, se não aliciar novos adeptos, pelo menos conquistar simpatia.

Moon declara que foi selecionado por Jesus Cristo para assumir a tarefa de "completar" o cristianismo, supostamente inacabado. Seus adeptos relutam em identificá-lo como o messias, o senhor do segundo advento. Moon também afirma que Deus o escolheu como o cabeça da família perfeita na terra, e que Deus deseja estabelecer na terra tal "família perfeita", porque Adão e Eva falharam por causa do pecado, assim sendo agora formada por ele e sua esposa.

Os adeptos da seita chamam seu líder de "papa Moon", e se preocupam em ganhar "filhos" para ele, a fim de que seja formada a grande família espiritual que, segundo creêm, dirigirá a Terra e unificará todas as formas de culto (Nova Éra), completando com seus ensinamentos o cristianismo que estaria inacabado.

Afirmou também que Jesus não foi gerado pelo Espírito Santo, mas concebido como fruto de uma relação sexual entre Maria e o sacerdote Zacarias. Moon ensina que Jesus fracassara na missão de salvar o mundo, visto que não constituíra uma família. Declarou ainda que só por meio do casamento é possível encontrar a plenitute espiritual.

Os seus seguidores ficam ajoelhados por mais de duas horas venerando um pôster do "pai Moon e da terceira "mãe, Hak Ja Han Moon - o retrato é iluminado por  velas sempre substituídas para que a luz nunca se apague. Juram também dar a própria vida na luta pelos seus ideais e se responsabilizam totalmente, prometendo levar a cabo o dever e a missão que lhes foi conferida.

Nos últimos tempos a seita que por mais de quatro décadas foi conhecida por Associação do Espírito Santo para a Unificação, mudou o nome, passando a se chamar Federação da Família pela Paz Mundial. Essa seita é um dos precursores da Nova Éra e tem enganado pastores evangélicos, como é o caso abaixo noticiado pelo Gnotícias:

Bp Manoel Ferreira é acusado de profanar púlpito da Assembleia de Deus ao permitir que seguidores do Rev. Moon o utilizassem para evento:

Em um evento promovido pelos seguidores do Reverendo Moon, que se considera um Messias, na Assembleia de Deus de Brasília, Ministério de Madureira, o púlpito da igreja foi utilizado como palco e gerou protestos.

Inconformado com o que chamou de profanação, o Pastor Enoque Lima postou um vídeo no YouTube protestando contra a atitude do Bispo Manoel Ferreira, que permitiu a realização do “Global Peace Festival” (Festival da paz mundial, em tradução livre), organizado pelos adeptos de Moon no templo da Igreja da Baleia, como é conhecida a AD Brasília.

Na opinião do Pastor Enoque, “esse festival da paz é na verdade, uma estratégia do filho do Reverendo Moon para trazer a mensagem diabólica, infernal, sobre seu pai, dizendo ser ele o verdadeiro Messias”.

O blogueiro Júlio Severo publicou artigo afirmando que o Pastor Enoque faz um “alerta importante no vídeo para que outros pastores da Assembleia de Deus Ministério Madureira não se deixem enganar pela apostasia que se iniciou em sua denominação, mas abram a boca para denunciar e alertar suas congregações”.

Segundo Severo, Ferreira e Moon o procuraram para avisar que poderão adotar medidas nacionais e internacionais contra a exibição do vídeo que ele está ajudando a divulgar. O blogueiro pede ainda que “baixem e copiem este vídeo antes que os seguidores do Rev. Moon e Manoel Ferreira consigam removê-lo judicialmente do YouTube”.

Assista ao vídeo do Pastor Enoque Lima:


Fonte: Gospel+





  • Blogger Comentários
  • Facebook Comentários

0 comentários :

Item Reviewed: Moon e a igreja da Unificação continuam enganando Rating: 5 Reviewed By: Pr. Antonio Romero Filho