728x90 AdSpace

Recentes

Como o estresse afeta o indivíduo? E quais são os seus sintomas?

O organismo humano é capaz de suportar muito estresse por algum tempo, antes de mostrar sinais de deteriorização. O corpo, de certa forma, é como um motor de combustão interna: se ele funcionar a uma rotação por minuto muito alto por muito tempo, irá superaquecer, perder seu "mancal ou estourar".

Se o estresse for excessivo, o indivíduo excederá a sua capacidade e, dessa forma, experimentará graves distúrbios emocionais e físicos. O que de fato, com as criaturas sob estresse, é que as circunstâncias externas influência em seu interior. Vejamos alguns distúrbios que afetam o indivíduo estressado:


1.Dor de cabeça

Pode vir de músculos mantidos contraídos por períodos prolongados; a contração muscular é uma reação normal no estresse. Segundo entendidos de cada 10 casos de dores de cabeça, 9 são provenientes de contrações prolongadas de músculos do pescoço e da cabeça.

2. Úlceras

Estão ligadas ao estresse de forma muito clara. Tanto as do estômado como as do duodeno podem ser o resultado do estresse. Quando um indivíduo é colocado sob estresse prolongado, os seus órgãos digestivos funcionam mal, causando a deteriorização do revestimento do estômago e do intestíno delgado, causando úlceras.

3. Dor na região lombar

É uma indicação comum do estresse. De acôrdo com um estudo conjunto da Columbia Universty e da New Yord University com 5.000 pacientes com reclamações de dores na região lombar, 81% não tinham desordens esqueléticas - nada de errado com os ossos nem com os discos. Eram dores todas nos músculos, ligamentos ou tendões.

4. Pressão alta

As mudanças de pressão sanguínea são uma das reações normais e inevitáveis do estresse. A pressão sanguínea aumenta e um suprimento de emergência de sangue corre através do corpo, enquanto os outros mecanísmos de reação de alarme entram em jogo. O corpo responde instântaneamente aos sinais nervosos autônomos ao contrair os  músculos das paredes das artérias.

5. Ataque cardíaco

Também há provas cada vez maiores de que existe uma relação entre o estresse e o coração. Os ataques cardíacos estão normalmente relacionados à pressão alta, aos altos níveis de colesterol, à falta de exercício, à obsidade e ao tabagismo; cada vez mais, parece que a causa fundamental dos ataques cardíacos é o estresse da vida.

6. Fadiga

Serve como um mecanismo de defesa a conflitos emocionais ou espirituais, permitindo que a pessoa evite enfrentar a tensão interna. A fadiga costuma acompanhar outros problemas produzidos pelo estresse, que incluem: ansiedade, tristeza, comportamento irracional, hostilidade e doença psicossomática.

7. Inificiência mental

O estresse excessivo prejudica a nossa capacidade de concentração. Até mesmo sob estresse normal, a maioria das pessoas usam metade da energia psicológica para manter as memórias reprimidas abaixo do nível da consciência. Se aquela energia puder ser liberada para um pensamento criativo, alterará radicalmente a produtividade da mente.


Alguns indivíduos conseguem lidar com o estresse de maneira mais bem sucedida do que outros. Esta capacidade depende de muitas variáveis, incluindo as experiências da infância, a estabilidade e o nível de auto-estima, e da saúde física.

Aqueles que estão sob a influência do estresse excessivo resulta em um nível significativo de perda de desempenho, produzindo sentimentos de culpa e subsequente perda da auto-estima; e se não resolvido, resulta no comportamento desajustado.

As pessoas que vivem em outros países, enfrentam dificuldades diversas que poderão influenciar na sua saúde - o choque cultural pode produzir tudo isto que temos mencionado acima, por isso todo cuidado é pouco.

Fonte: Choque transcultural - CIM
  • Blogger Comentários
  • Facebook Comentários

0 comentários :

Item Reviewed: Como o estresse afeta o indivíduo? E quais são os seus sintomas? Rating: 5 Reviewed By: Pr. Antonio Romero Filho